kie-tec - Knowledge, Innovation & Excellence in Technology

Drive: Metodologia para ampliar a cultura de analise empresarial

HomeNotíciasDrive: Metodologia para ampliar a cultura de analise empresarial

O Tableau Drive é uma metodologia para habilitar a escalabilidade horizontal da análise de autoatendimento. O Drive é baseado em práticas recomendadas de implantações empresariais bem-sucedidas. A metodologia gira em torno de métodos iterativos e ágeis, que são mais rápidos e eficazes que a implantação tradicional em ciclos longos. Um marco da abordagem é um novo modelo de parceria entre empresa e TI.

Criando a sua equipe do Tableau Drive

Os materiais do Drive são gratuitos, e você pode usá-los para planejar e executar uma implantação empresarial. Você também tem a opção de obter ajuda dos especialistas da kie-tec que receberam treinamento para usar o Drive e podem ajudar você, se necessário.

O que é o Tableau Drive?

Esta apresentação mostra por que é necessário adotar uma nova metodologia e as noções básicas do Tableau Drive.

Principais elementos do Tableau Drive

O manual Como usar o Tableau Drive funciona como um roteiro para a sua implantação. Os outros recursos listados ao final desta página incluem listas de verificações importantes, documentação do projeto e leituras sugeridas.

Um processo inerentemente ágil

O Tableau Drive se baseia na metodologia ágil, que requer equipes multifuncionais, prototipagem e iteração constante. A metodologia ágil geralmente produz resultados mais rápidos e de qualidade superior. A análise visual é inerentemente ágil porque envolve o ciclo iterativo de coleta de dados, criação de visualizações e verificação de suposições. Ferramentas como o Tableau, que permitem aos usuários corporativos criar painéis em tempo real, reduzem ainda mais o tempo necessário para a obtenção de resultados.

Uma nova parceria entre as equipes comercial e de TI

Um dos princípios centrais da Metodologia do Tableau Drive é um novo modelo de parceria entre as equipes comercial e de TI.

Com o Drive, a equipe de TI se concentra na capacitação, que inclui treinamento, segurança e preparação de dados. Os usuários comerciais, que trabalham com uma estrutura definida pela equipe de TI, se encarregam das análises e respondem às suas próprias perguntas.

A equipe de TI fica responsável pelo “Centro de Operações”

  1. Segurança e governança
  2. Aquisição, preparação e provisionamento de dados
  3. Wiki da intranet e software e serviços da comunidade
  4. Implantação, configuração e manutenção do Tableau Server
  5. Provisionamento do Tableau Desktop

A equipe comercial fica responsável pelas análises e pelo “Centro de Evangelismo”

  1. Criação de relatórios e painéis
  2. Desenvolvimento e promoção de práticas recomendadas
  3. Treinamento e suporte
  4. Divulgação

As quatro fases do Drive

O Tableau Drive integra o processo iterativo de análise visual ao suporte técnico e programático. As principais fases são: descoberta, criação de protótipos e resultados rápidos, construção de base e ampliação.

O objetivo é derrubar as barreiras existentes na análise de autoatendimento, desenvolver habilidades e confiança, além de ampliar uma cultura de análise dinâmica alinhada aos valores modernos do mercado.

Recursos

Temos muito mais material para ser utilizado como recursos que podem ajudar você a começar a usar o Tableau Drive. Eles fornecem uma base e leituras complementares para cada fase da metodologia. Ao final, você encontrará recursos sobre análise de autoatendimento. Se quiser obter ajuda para usar o Drive, consulte-nos.

 

Acesse aqui os materiais adicionais sobre a metodologia !

Escrito por

Sócio da Kie-TEC - empresa focada em soluções e projetos de BI & Analytics. Especialista em analise e inteligência de negócios (BI), gestão de projetos e governança de TI.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>